Sete rodadas que prometem

Restam apenas sete rodadas para o final do Campeonato Brasileiro de 2011. Sem dúvida alguma, o mais emocionante dos pontos corridos (sou fã do bom e velho mata-mata, mas esta edição não deixa motivo para críticas).

Resolvi fazer uma análise dos sete jogos restantes das equipes ao qual AINDA considero na briga pelo título. Apesar de Vasco e Corinthians teoricamente protagonizarem uma disputa polarizada, penso que Botafogo, Flamengo, Fluminense, São Paulo e Internacional ainda podem sonhar com a taça. Ainda mais se pensarmos nos tropeços seguidos que todas essa equipes tiveram durante o torneio.

Começo pelo Vasco – 57 pontos, líder do campeonato:

São Paulo (C), Santos (F), Botafogo (C), Palmeiras (F), Avaí (C), Fluminense (F), Flamengo (C)

Honestamente, é a sequência mais difícil de todas as equipes. Se o Vasco conseguir ser campeão jogando contra todas essas equipes é porque realmente tem o melhor time do torneio. São três rivais, sendo dois clássicos nas rodadas derradeiras. Três times paulistas (dois deles ainda podem pensar na famosa ‘entregada’ para prejudicar o rival Corinthians) e um desesperado para não cair. A minha honesta opinião é que a taça de 2011 não vai para São Januário. O Vasco tem um time acertado, com bons nomes, mas não vejo se superando diante de adversários tão complicados.

Corinthians – 55 pontos:

Avaí (C), América-MG (F), Atlético-PR (C), Ceará (F), Atlético-MG (C), Figueirense (F), Palmeiras (C)

Apenas na teoria essa sequência é mais tranquila. Dos sete confrontos, cinco serão contra equipes na briga pelo rebaixamento, que nesse momento, são as cinco últimas da tabela. Desespero que representa muita vontade em campo, mas também representa desordem em caso de gol sofrido. Promessa de jogos complicados, mas que se Tite e cia souberem tirar proveito, podem usar a fase dos rivais para garantir a taça. O grande problema vem nas últimas duas rodadas: A excelente equipe do Figueirense em Santa Catarina e o rival Palmeiras, que provavelmente jogará sem nada em disputa. O que isso representa? Um adversário solto em campo, apenas com a motivação de encerrar o ano com ‘vitória’, tirando o título do maior rival. Pela classificação e pelos jogos, aposto na equipe paulista para ficar com a taça, mas não ficaria nada surpreso se isso não viesse a acontecer.

Botafogo – 52 pontos:

Cruzeiro (C), Figueirense (C), Vasco (F), América-MG (F), Internacional (C), Atlético-MG (F), Fluminense (C)

A situação do Botafogo não é das mais fáceis e até aqui, fica entre a do Vasco e do Corinthians. Tem rival na última rodada, clássico com o Vasco nas próximas rodadas, duelo contra os três mineiros desesperados e além disso, tem Inter e Figueirense no Engenhão. Embora jogue em casa, não significa que será fácil. O Botafogo tem um bom time, mas não vejo levando o caneco. Talvez uma vaga na Libertadores.

Flamengo – 52 pontos:

Grêmio (F), Cruzeiro (C), Coritiba (F), Figueirense (C), Atlético-GO (F), Internacional (C), Vasco (F)

Se não bastasse a queda de rendimento e a instabilidade vivida, o Flamengo ainda tem uma reta final muito complicada. Pela tradição, ainda o vejo brigando pelo título. Minha aposta: uma das vagas na Libertadores.

Fluminense – 50 pontos:

Ceará (F), Internacional (F), América-MG (C), Grêmio (C), Figueirense (F), Vasco (C), Botafogo (F)

Sequência quase tão complicada quanto das demais equipes, mas o Fluminense vem em uma crescente no torneio e principalmente, conquistando vitórias importantes (com exceção do último jogo). Se conseguir conter a instabilidade, tem tudo para ficar com uma das vagas na Libertadores. Com uma série de tropeços de Vasco e Corinthians, pode com praticamente um milagre erguer a taça.

São Paulo – 49 pontos:

Vasco (F), Bahia (F), Avaí (C), Atlético-PR (F), América-MG (C), Palmeiras (F), Santos (C)

O grande problema do São Paulo é que ele vive a crise na reta final do campeonato. Mas a chegada de Emerson Leão pode ser a grande esperança para salvar o ano tricolor. O jogo contra o Vasco pode ser um divisor de águas, justamente porque a equipe paulista não entra com o favoritismo. Uma vitória pode colocar o clube paulista na briga pelo título. Um tropeço deixa a moral ainda mais baixa e a chance de uma vaga na Libertadores mais distante. Pelos jogos, acredito que o São Paulo deve ficar com uma das vagas na competição continental. Ele fecha sua participação contra um Palmeiras que nada disputa e com um Santos que já estará treinando para o Mundial. Hoje apenas um ponto separa o clube da faixa para Libertadores.

Internacional – 48 pontos

Atlético-GO (F), Fluminense (C), Cruzeiro (F), Bahia (C), Botafogo (F), Flamengo (C), Grêmio (C)

Nove pontos atrás do Vasco, não acredito no Inter para o título. Se vencesse o Corinthians, a pontuação e a moral creditariam o clube para a briga. Hoje, só vejo o Colorado com chance de ficar com vaga na Libertadores. Dois pontos atrás do Flu, o clube gaúcho tem tudo para chegar ao G5, porque também vive o melhor momento no torneio. A tabela não é fácil, mas o time de Dorival Junior tem potencial para conseguir um bom número de pontos. O problema é que fecha a participação diante do rival Grêmio, mas ao menos joga em casa. Isso pode aumentar a pressão, mas pode também dar uma motivação a mais no duelo decisivo.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: